Product was successfully added to your shopping cart.

Como não errar na hora de preparar o Café Perfeito

Uma das bebidas favoritas no paladar brasileiro, o café pode ser apreciado de diversas maneiras. São formas de preparo, preferências ao adocicar (ou não adocicar), tipos de xícara, temperaturas variadas... As possibilidades são tantas, que hoje viemos falar sobre 5 dicas que vão garantir um café impecável para todos os gostos e estilos.

O Brasil é um dos maiores fãs do café. Além de sermos responsáveis por cerca de um terço da produção mundial – o que faz do nosso país, de longe, o maior produtor por pelo menos 150 anos -  somos o maior exportador do mundo, e um dos maiores consumidores, perdendo apenas para os Estados Unidos em 2o16.

São milhares ramificações de intensidade, aromas e preferências na hora de preparar um bom café, mas por mais complexas que sejam as possibilidades desse produto, existem algumas regras universais que facilitam a vida de qualquer bom apreciador. Hoje nós viemos listar as 5 dicas indispensáveis para fazer um café pra ninguém botar defeito:

  1. A água aplicada no filtro do café não pode estar fervida! Isso faz com que ele perca algumas de suas funções e altere o sabor do seu café.
  2. Prefira sempre água filtrada. Além de preservar a qualidade da bebida, ela não possui cloro, o que com certeza vai fazer a diferença na hora da degustação
  3. Café deve ser consumido na hora! Por mais que as garrafas térmicas sejam superúteis, um café requentado nunca terá o mesmo sabor que o café recém preparado.
  4. A temperatura ideal para a água é entre 93°C, 94°C – assim você garante a função completa do filtro e das propriedades do nosso querido grão
  5. Nada de misturar o pó de café de uma marca x com a marca y, cada blend é preparado de um jeito e possui uma torra específica. Misturar blends que não combinam podem te dar um resultado desastroso!

E pra fechar com chave de ouro, deixamos aqui a dica preciosa de um dos maiores baristas do Brasil: Leonardo Kuwahata contou para a imprensa na Semana Internacional do Café que investir num moedor vale muito a pena. Ao adquirir o café pronto para ser passado, o barista lembra que grãos podem oxidar, mudar de sabor e perder suas propriedades.

E se tem uma coisa que a Kapeh concorda com Leonardo é que café moído na hora é muito mais gostoso!

Conheça os sabores marcantes de Kapeh, em grãos, cápsulas e muito mais Clicando Aqui.

Deixe uma resposta